Entenda o que é o Gerenciamento de Riscos Ocupacionais



Em janeiro deste ano, passaram a vigorar as alterações na Norma Regulamentadora 1. E uma de suas principais novidades é a obrigatoriedade da implementação do Gerenciamento de Riscos Ocupacionais, o GRO.


Diferentemente do que muitas empresas pensam, o GRO não é um simples documento ou programa. Trata-se de um conjunto de diretrizes que devem embasar todas as estratégias de Saúde e Segurança do Trabalho (SST). Logo, sua implementação deve gerar um impacto importante para os empregadores.


Neste post, vamos explicar o que é o GRO e como ele deve ser implementado.


O que é o GRO?

o GRO reúne um conjunto de processos que devem nortear os empregadores no gerenciamento da segurança dos seus colaboradores. O objetivo é incentivar a melhoria contínua na área de SST. Seu foco é a identificação e o gerenciamento dos riscos.


Dessa forma, o GRO obriga com que as empresas invistam em uma estrutura mais ampla de gestão de SST. Só assim será possível cumprir as várias regras estabelecidas pelas NRs e manter os ambientes realmente seguros para sua força de trabalho.


Quais os benefícios do GRO

Uma vez implementado, o GRO garante à empresa uma série de ganhos. Estes benefícios são resultantes do ambiente mais seguro e saudável oferecido aos colaboradores. Confira alguns deles:


Aumento da produtividade

A implantação do GRO e de uma gestão eficiente de SST garante a redução de acidentes e doenças ocupacionais. Assim, os colaboradores melhoram seu rendimento e a produtividade do seu negócio cresce. Além disso, a percepção dos trabalhadores quanto aos cuidados da empresa com sua segurança gera motivação. E esse é um combustível importante para que sua força de trabalho renda mais.


Queda nas taxas de absenteísmo

Com ambientes mais seguros, os índices de ausências por motivos de saúde é menor. Assim, a empresa não sofre com problemas na produção gerados pelas faltas por problemas de saúde.


Redução de custos

Quando há incidência de acidentes e doenças do trabalho, o empregador tem despesas com seguros e até indenizações. A implementação do GRO e de um modelo de gestão de SST ajuda a reduzir estes gastos.


Melhoria da imagem da empresa

Uma empresa com uma política de SST eficiente passa a ser reconhecida pelo mercado. Isso ajuda não apenas no momento de contratação de profissionais, mas também na forma como a empresa é vista por clientes e parceiros.


Como implementar o GRO

Ao implementar o GRO em sua empresa é preciso ter em mente a relevância do gerenciamento das ameaças aos trabalhadores. Assim, primeiro é preciso eliminar os riscos desnecessários. Em seguida, é preciso traçar estratégias para mitigar aqueles que não podem ser eliminados.

Um plano básico de implantação do GRO pode ser dividido em 4 etapas:


  1. Diagnóstico inicial: o primeiro passo é verificar a situação da segurança do trabalho na empresa. Aqui, é preciso identificar as situações de risco, as medidas de segurança em vigor e o histórico de acidentes ou doenças ocupacionais;

  2. Política de SST: de posse do diagnóstico, é preciso traçar uma estratégia, uma política de SST na empresa. Ela deve engajar tanto as lideranças quanto os colaboradores tanto em sua formulação quanto na implementação.

  3. Planejamento das ações: a etapa seguinte é o planejamento das ações de segurança e controle dos riscos. O foco deve ser o controle ou a eliminação das ameaças identificadas, respeitando as normas da legislação vigente

  4. Implementação: com a política de SST e o plano de ação concluídos, é preciso garantir as condições e a estrutura para que as medidas planejadas sejam implementadas. Esta etapa requer também a adoção de medidas de verificação e controle. O objetivo é garantir a adesão de todos os envolvidos e verificar a eficácia das medidas.

Este é um passo a passo com as etapas básicas para a implementação do GRO. O mais importante é entender que não basta ao empregador buscar manter sua empresa em dia com a legislação sobre SST.


É preciso entender que a segurança do trabalho depende de uma estratégia de gestão elaborada com foco e estratégia. Somente assim será possível proteger a integridade dos colaboradores e da própria empresa.


Com mais de 20 anos de experiência em gestão de SST, a Asonet Ocupacional pode ajudar sua empresa a estruturar e gerenciar o setor em sua empresa. Entre em contato com um de nossos consultores e saiba mais sobre como podemos ajudar.


8 visualizações0 comentário