Você conhece os diferentes tipos de ginástica laboral?



A importância da ginástica laboral já é praticamente uma unanimidade. Seus benefícios na prevenção de doenças ocupacionais e na melhoria da qualidade de vida dos colaboradores são reconhecidos pela maioria das empresas.


Além de proteger a saúde dos trabalhadores, a ginástica laboral traz ganhos de produtividade à empresa e melhora o ambiente de trabalho. Por isso, se tornou uma prática comum na maioria das organizações.


O que nem todo mundo sabe é que existem diferentes tipos de ginástica laboral. Cada um deles tem um objetivo específico, e busca proteger o trabalhador sob um determinado aspecto.


Conheça, a seguir, 5 deles e saiba o tipo de benefício que ele pode garantir para os colaboradores da sua empresa:


1 - Preparatória

A ginástica laboral preparatória, como o nome indica, tem o objetivo de preparar o colaborador para a atividade laboral. Logo, deve ser realizada no início da jornada de trabalho. Tem duração de 5 a 10 minutos e geralmente é marcada por exercícios mais dinâmicos, para despertar o trabalhador.


Alongar os músculos, despertar a mente e ativar a circulação sanguínea são os objetivos da ginástica preparatória. Tudo para garantir mais ânimo e disposição para as atividades do dia.


2 - Compensatória

O intervalo da jornada de trabalho é o momento indicado para a ginástica laboral compensatória. Seu objetivo é recuperar o corpo e compensar os esforços feitos na primeira parte do dia. Além de relaxar os músculos que trabalham de forma repetitiva, também ativa aqueles que ficam um longo tempo em repouso.


A ginástica compensatória ainda ajuda a corrigir a postura e a recuperar o ânimo e a disposição para o restante do dia de trabalho.


3 - Preventiva

Para prevenir problemas de saúde que possam ser desencadeados pela atividade laboral é possível realizar a ginástica laborar preventiva. Esta atividade tem reflexos importantes nos sistemas cardíaco e respiratório. Ela ajuda melhorar a resistência e o condicionamento físico dos colaboradores.


4 - Relaxamento

Realizada no final da jornada de trabalho, a ginástica laboral de relaxamento auxilia e reduzir o ritmo e eliminar o estresse acumulado durante o dia. São exercícios mais suaves, que relaxam os músculos e normalizam a circulação sanguínea.


A ginástica de relaxamento ajuda a prevenir lesões, reduzir a sensação de esgotamento e a revigorar corpo e mente para o final do dia.


5 - Corretiva

Para atividades laborais específicas, que provocam desequilíbrios ergonômicos nos colaboradores, é indicada a realização da ginástica laboral corretiva. Seus exercícios ajudam a reforçar músculos e estruturas mais exigidas, aumentando a resistência e prevenindo lesões.


Esta atividade é bastante eficiente na prevenção de doenças ocupacionais e outros problemas musculares e nas articulações.


A ginástica laboral é uma iniciativa importante que a sua empresa pode utilizar para cuidar do bem-estar dos seus colaboradores. É uma forma não apenas de zelar pela saúde da sua força de trabalho, mas também garantir melhoria na produtividade e na competitividade.


E não se esqueça que a Asonet Ocupacional pode auxiliar em todas as demandas que envolvem saúde e segurança ocupacional. Entre em contato com um de nossos consultores e saiba mais!

8 visualizações0 comentário